ARTIGOS

Você está em - Home - Artigos - Primeiro trimestre soro materno gonadotrofina β-humano livre coriônica e gravidez associada à proteína plasmática A em gestações complicadas por diabetes mellitus.

Primeiro trimestre soro materno gonadotrofina β-humano livre coriônica e gravidez associada à proteína plasmática A em gestações complicadas por diabetes mellitus.



Para investigar se os marcadores de rastreamento de primeiro trimestre para aneuploidias, incluindo translucência nucal (TN), soro materno gonadotrofina β-humano livre coriônica humana (β-hCG) e da gravidez associada à proteína plasmática A (PAPP-A), são alterados em mulheres com pré-existente de tipo-1 e tipo 2 diabetes mellitus, e nas mulheres que, posteriormente, desenvolver diabetes mellitus gestacional (DMG).
Análise retrospectiva de rastreamento combinado prospectivo para aneuploidias em gestações únicas em 11 (+0) -13 (+6) semanas de gestação.
Clínica pré-natal.
Gestações simples a 11 (0) -13 (6) semanas de gestação resultando na entrega de recém-nascidos fenotipicamente normais. O estudo incluiu 194 mulheres com diabetes tipo-1, 122 mulheres com diabetes tipo-2, 779 mulheres que desenvolveram diabetes gestacional e 41,007 não-diabéticos controles.
Materna livre NT β-hCG e PAPP-A níveis foram expressos como múltiplos da mediana respectivo normal (MoM), e fetal foi expressa como uma diferença relativamente à mediana esperado (Δ).
Comparação de mediana MoM NT livre materna β-hCG e PAPP-A, e fetal, nos quatro grupos de resultados.
Não houve diferenças significativas entre os grupos em ΔNT mediana e materna MoM β-hCG livre. Materna mediana PAPP-A no diabetes tipo-2, em comparação com o grupo de não diabéticos, foi reduzida (0,75 MoM, IQR MoM 0,50-1,09 contra 1,00 MoM, IQR MoM 0,68-1,42, P <0,001), que resultou na duplicação em a taxa de falso-positivo na triagem combinado nesta população. Não houve diferenças significativas na materna PAPP-A entre os outros grupos.
Em mulheres com diabetes tipo-2, a estimativa de risco específica para cada paciente precisa no rastreamento de primeiro trimestre para aneuploidias combinado exige um ajuste de soro materno PAPP-A.

Fonte: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22324916

VEJA TAMBÉM:

  • Triagem para restrição do crescimento pré-eclampsia e fetal pelo Doppler das artérias uterinas e PAPP-A em uma gestação de 11-14 semanas.
  • Estudo sobre a aplicabilidade do ângulo facial frontomaxillary no primeiro trimestre trissomia 21 fetos em população chinesa.


  • Texto Original



    To investigate whether markers of first trimester screening for aneuploidies, including fetal nuchal translucency (NT), maternal serum free β-human chorionic gonadotropin (β-hCG) and pregnancy-associated plasma protein A (PAPP-A), are altered in women with pre-existing type-1 and type-2 diabetes mellitus, and in women that subsequently develop gestational diabetes mellitus (GDM).
    Retrospective analysis of prospective combined screening for aneuploidies in singleton pregnancies at 11(+0) -13(+6) weeks of gestation.Antenatal clinic.
    Singleton pregnancies at 11(+0) -13(+6) weeks of gestation resulting in the delivery of phenotypically normal neonates.The study included 194 women with type-1 diabetes, 122 women with type-2 diabetes, 779 women who developed GDM and 41,007 non-diabetic controls.
    Maternal free β-hCG and PAPP-A levels were expressed as multiples of the respective normal median (MoM), and fetal NT was expressed as a difference from the expected median .
    Comparison of median MoM maternal free β-hCG and PAPP-A, and fetal NT, in the four outcome groups
    There were no significant differences between the groups in median ΔNT and maternal free β-hCG MoM.Maternal median PAPP-A in type-2 diabetes, compared with the non-diabetic group, was reduced (0.75 MoM, IQR 0.50-1.09 MoM versus 1.00 MoM, IQR 0.68-1.42 MoM; P < 0.001), which resulted in doubling in the false-positive rate in the combined screening in this population.There were no significant differences in maternal PAPP-A between the other groups.
    In women with type-2 diabetes, the estimation of accurate patient-specific risk in the first trimester combined screening for aneuploidies necessitates an adjustment of maternal serum PAPP-A.


    VEJA TAMBÉM:

  • Triagem da Síndrome de Down: um teste controverso, com mais controvérsia por vir!
  • Triagem da Síndrome de Down em gêmeos